A Fundação PLMJ associa-se ao Centro Português de Fundações no "Projeto 17 - Geografias, Património Cultural das Fundações Portuguesas"
Descrição

O Projeto 17 teve a sua génese no Grupo de Trabalho das Fundações da área da Cultura associadas do CPF. Explorando o cenário de realização de exposição coletiva composta por diversos bens culturais que integrem os acervos destas fundações, com a particularidade de realização em espaços expositivos individualmente escolhidos por cada fundação aderente. A ambição será harmonizar e apresentar as coleções das Fundações culturais numa exposição representativa de diversificados bens culturais na sua aceção mais ampla, como testemunho de cultura e civilização - artes plásticas, arquitetura, literatura, artes cénicas, música, entre outros, estabelecendo nexos de casualidade com um, ou vários, dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030.

As fundações associadas a este projeto: Fundação Arpad Szenes-Vieira da Silva, Fundação Casa de Fronteira e Alorna, Fundação EDP, FLAD - Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento, Fundação Marques da Silva, Fundação Millennium BCP, Fundação Oriente e Fundação Portuguesa das Comunicações.

O dia 29 de junho, marca o primeiro momento para arranque desta iniciativa, a partir das 15 horas.

Em exposição, no lobby da Fundação PLMJ - Avenida Fontes Pereira de Melo, 43, todos os dias úteis entre as 09h00 e as 18h30, estarão as obras "Untitled (20m) (da série Long Story Short)", 2018, de Fernão Cruz, "Talavera (quiero que me espante asta perde la razon)", 2014 e "Talavera (tengo miedo de quererte)", 2014, de João Pedro Vale e Nuno Alexandre Ferreira.

Para mais informações, consulte o site do Centro Português de Fundações.